________
________




quinta-feira, abril 2

Entrevista - Now

Respondendo suas perguntas de e-mail

Para o seu papel em Prison Break, você realmente se preparou passando um tempo na cadeia?

Não, eu fui escalado no último minuto, na semana antes de filmar o programa piloto. Eles já tinham olhado todo mundo e ninguém os satisfaziam para o papel, não tinha mais tempo. Eu entrei, por isso eu não tive tempo para fazer o dever de casa. Mas aí eu pensei melhor, que provavelmente a prisão é uma experiência para mim assustadora, assim como é para o meu personagem Michael

Quanto tempo você leva para colocar essas incríveis tattoo em seu corpo?

É um processo muito ambicioso. Que leva quatro ou cinco horas, ele é aplicado por duas pessoas. Felizmente, só temos de fazê-lo uma vez por episódio. É uma série de detalhes que se encaixam como peças de um enigma - talvez 24, que cobrem todo o corpo e os braços. Você tiraumidade da pele, esfregando-a com álcool para que tenha uma aderência adequada, aplica uma camada de cola, colocadas sobre a tatuagem com água e, em seguida, cubra-o com selante para que ele permaneça.É pegajoso, por isso é um pouco como usar 'papel mata moscas'. Você tem que esfrega-lo no final do dia com solventes. Assim dura uma semana, mas você não quer levá-la para casa com você, porque você fica pegajoso

Qual o tipo de mulher que geralmente te atrai ?

Acima de tudo, me sinto atraído por mulheres que tenham auto-confiança, não importa o quão bonita ela seja; se ela é auto-confiante, eu acho isso incrivelmente sexy. Existem mulheres que os meus amigos do sexo masculino particularmente não consideram atraente fisicamente, mas me atraem por causa de sua maneira, que se prendem ou porque vêem como especial é estar certa sobre si mesmas. Eu provavelmente prefiro uma morena do que uma loira. Isso não quer dizer que eu não sinta atracão por loiras - só que as morenas são um pouco mais.

Qual foi a coisa mais romântica que você já fez?

Uma vez, uma namorada minha estava indo embora e eu lhe dei um relógio, que eu acertei o tempo para a hora em que eu estava. Dessa forma, quando ela olhasse para os nossos respectivos relógios estaríamos juntos no mesmo tempo

Você recebe um monte de coisas estranha ou indesejada pelos seus fãs do sexo feminino?

Um monte de garotas me reconhecem na rua e sorriem, o que é legal. Já tive algumas propostas, mas não foram muitas. Algumas das mulheres mais confiantes querem que eu tire a minha camisa ali para ver se ainda tenho no meu corpo a tatuagem do programa! Essa é uma das coisas interessantes sobre a TV. Quando você entra na casa das pessoas toda semana interpretando um determinado personagem, automaticamente elas começam a acreditar que é quem você é. As pessoas desenvolvem um relacionamento com você com base em sua percepção de seu personagem

Você recebe e-mail de fã que na vida real são prisioneiros?

Sim, tempo todo. Aparentemente, um presidiário ofereceu um maço de cigarros a um dos membros da equipe de Prison Break quando saísse de trás das grandes.

Quais os tipos de coisas que você faz quando não está trabalhando?

Eu gosto de nadar, ler e tirar uns cochilos. Estou também escrevendo um roteiro de minha própria autoria. Nós filmamos Prison Break em Chicago, então eu tento ir a diferentes restaurante a cada semana. Eu gasto meu tempo lá no Art Institute , escuto música, gosto de pintura, cinema, teatro ... mas estou nas gravações de 14 a 17 horas por dia, então nos finais de semana geralmente tudo que posso fazer é recarregar minhas baterias dormindo e comendo.

Por ser famoso, sua vida mudou?

Ser famoso não muda a sua vida. E porque há essa linha que as pessoas saibam mais sobre você , e menos acreditável que você está nos papéis que você desempenha. Nós estamos vivendo num tempo em que os atores parecem pensar que há necessidade de vender um pedaço de sua vida pessoal há cada vez que um filme está sendo lançado. Pra mim é importante que eu mantenha um pouco de mistério para que eu possa ser um camaleão e ficar acreditável.

É verdade que você nasceu no Reino Unido?

Sim, eu nasci na Inglaterra e cresci em Nova York. Eu sou parte afro-americano e parte jamaicano, alemão, francês, sírios, libaneses e russo. Os meus pais ambos são americanos, mas eu nasci em Oxfordshire e vivi na Inglaterra por alguns anos antes da minha família se mudar e voltar novamente para os EUA.

Você se dá bem com o Dominic, quem faz o seu irmão na série?

Nós nos damos muito bem. Dominic na verdade é australiano, por isso temos boas conversas sobre a nossa vida. Ele é bastante americanizado, embora - ele não tenha um sotaque, com a câmara ligada ou desligado. Ele é alguém que eu tenho um enorme respeito. Não é difícil imaginar ele como um irmão mais velho que eu possa olhar. E ele é um hotty

Você gosta de assistir você na tela?

Eu particularmente não curto me assistir, embora eu faça isso porque há sempre algo a aprender. É um meio técnico de estar ciente da câmara, mas prefiro ver com as outras pessoas do trabalho.

Você sempre quis ser famoso?

Eu não acho que você realmente tenha uma escolha sobre esse assunto. Quando você chega em Hollywood você acha que o sucesso significa ser Tom Cruise ou Julia Roberts , mas existem muitos graus de sucesso. Eu estou feliz por estar trabalhando e ter um lugar para ir de manhã. A fama que vai junto com ela é a natureza da besta. É um jogo que você tem que jogar. Você quer que as pessoas assistam o programa, por isso você tem que colocar lá e fazer publicidade. É impossível de ser apenas umator, você tem que ser um ator, um diplomata, um publicitário e político.

Você poderia lidar com a prisão na vida real?

Eu não iria durar muito na prisão - Não sou forte o suficiente. Mas é concebível que todos poderíamos acabar numa prisão. Essa é a ideia do programa, que a prisão da vida real é um horror e pode acontecer com você. Você poderia estar dirigindo em uma rodovia, bate em uma construção onde tem um trabalhador e ir para a prisão por 10 anos. É como se acordasse de manhã na toca do leão. Você está em perigo e pode ser comido, e você não tem nenhuma oportunidade de escapar, mas você também tem que manter um olho sobre o leão em todos os momentos. Ouvi dizer que os presos se referem à prisão como escola de gladiadores.

Alguma vez você já usou as tattoos fora do trabalho?

Sobre as raras ocasiões em que vou embora com elas, algumas reações são muito estranhas na rua. Avós tendem a me dar um amplo aconchego! Pessoas que realmente têm tatuagens em todo braço, pensam que temos algo em comum, mas eles me olham com desprezo quando percebem que a minha não é real.

Tradução: Marina, Nina e pqna ajuda da Gaby
Março de 2006

7 comentários:

o/,  2 de abril de 2009 01:33  

ENTREVISTAAA!!

que bonitinha...

parece que eu ouço ele respondendo *-*

obrigado meninaaaas!
pela paciencia de ficar traduzindo as entrevistas, que se fosse só traduzir blz mas tem de ficar achando sentido pras frases, e ainda se tem duas palavrinhas sem sentido o povo já reclama u.u

deixo aqui minha gratidão!!!

nossa tirei o dia pra comenta no blog hoje hahaha

fica assim amanha eu nao venho \o/ hehe

e pra termina...
amo muito muito muito tudo isso!!! hehe

WMBrasil 2 de abril de 2009 09:51  

Obrigada O/!!!!
Realmente tem que ter uma paciência danada, principalmente pq ele usa muitas palavras dificeis, pouco usadas na lingua inglesa!!
Adoramos os comets, sem eles a gente iria desanimar =).
Vai comentar hj sim senhora!!rsrsrsrrsrrsr
BJS!!!!!!!!!!

Carol,  2 de abril de 2009 14:38  

Eu adorei essa entrevista principalmente da parte que ele fala que o mais importante pra ele não é a parte fisica das mulheres e sim a personalidade delas isso mostra que ele realmente valoriza a mulher.....ai cada dia que passa eu fico mais apaixonada por ele !!
é raro encontrar homens que nem ele hoje em dia

wickedstyle 2 de abril de 2009 18:12  

Uiiii arrasarem meninas! :D
adorei a parte que ele diz que prefere as morenas! :P
bjs

WMBrasil 3 de abril de 2009 11:15  

ponto pra gente Gaby
eiuhaeuihaeieh o/\o

Marina

Aline,  5 de abril de 2009 00:58  

"Eu provavelmente prefiro uma morena do que uma loira. Isso não quer dizer que eu não sinta atracão por loiras - só que as morenas são um pouco mais".

Ownn q lindooo! Perfeito!
faremos um lindo par então
my Went!*___*

mim ser morena! ^^

Josiely,  7 de abril de 2009 15:07  

Meninas, que linda a entrevista! Uma das melhores q eu já li aqui no blog! Amo esse blog, só não comento pq mal tenho tempo de olhar direitinho, daí hj tirei a tarde pra olhar e comentar tbm q é muito importante pra q vcs se sintam mais estimuladas a traduzirem e organizarem o blog com o carinho que vcs fazem! Parabéns!